A MOSTRA
 
 

É possível lutar pela cultura em um ano como 2020? Para nós, não só é possível, como é extremamente necessário. Quem dera pudéssemos anunciar, pelo oitavo ano seguido, um calendário “normal” da Mostra Tiradentes em Cena, consolidada nos últimos anos como uma das grandes referências no cenário das artes cênicas no Brasil. Mas a verdade é que a pandemia do Coronavírus mudou tudo e obrigou todos os setores, inclusive o cultural, a repensarem cada uma das suas atividades. A produção teatral ficou invariavelmente desfalcada e, em termos quantitativos, perdeu (muito) espaço e precisou migrar para o cenário online. E é justamente esse cenário que será nosso aliado no ideal de levar a arte além, de forma democrática e inspiradora.

Com sete anos de existência, a Mostra Tiradentes em Cena tem se transformado em uma grande vitrine das artes cênicas para o cenário cultural do país. Antes da pandemia, os espaços da cidade eram requisitados para se tornarem palcos: adros, igrejas, casarões, praças e, até mesmo, espaços como garagens e salas de estar.

A edição de 2020, porém, acontecerá em novembro, e não em maio, como de costume, e será feita de forma híbrida, reunindo a maior parte das apresentações em Tiradentes, mas canalizando a audiência para as plataformas digitais, de forma a respeitar as normas da Organização Mundial da Saúde e, ainda assim, viabilizar o evento a todos. Neste momento de pandemia e isolamento, onde a classe artística foi uma das mais afetadas, faz-se necessário retomar a renda e a possibilidade de trabalho do meio artístico, promover capacitação e boas trocas com quem está em casa e com quem vem a cidade de Tiradentes para um turismo consciente.

O Tiradentes em Cena tem em seu DNA o foco de diversificar expressões artísticas. Do contemporâneo, com inovação em conteúdo, ao teatro tradicional, como forma de perpetuar tradições e formas. A cada ano ganha mais consistência temática e promove o encontro entre artistas e plateia, gerando o mais caro legado de um festival: a transformação.

Somos uma equipe formada por pessoas que acreditam na arte, na pluralidade, na diversidade e no poder de transformação e na inclusão da cultura.  A soma desse empenho trará um abrir e fechar cortinas inusitado e que vai revelar as possibilidades que temos para fazer acontecer. A produção cultural é importante para a cadeia produtiva, pois gera empregos, rendas, impostos, promove circulação de espetáculos, gera trocas. Por isso vamos resistir com AMOR para, de alguma forma, reafirmarmos a importância da cultura para uma nação. A cultura é a alma de um povo.

 

     “A arte existe porque a vida não basta” - Ferreira Gullar Escritor

 

Evoé!

Aline Garcia – idealizadora e diretora geral do Tiradentes em Cena

 
 
 
 
    MARÇO | 2021    
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
28 1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31 1 2 3
 
21/11 Sáb

20h
 
PROGRAMAÇÃO
 
Download!
 
Download PDF
 
 
MÍDIAS SOCIAIS
 
Siga-nos no instagram
Siga-nos no flickr
Siga-nos no youtube
Siga-nos no Facebook
Siga-nos no Twitter
Faça parte da nossa mailing-list
 
 
 
9ª Mostra de Artes Cênicas de Tiradentes © 2013-2021 todos os direitos reservados
Notícias Fotos Releases Clipping Credenciamento
Galeria de fotos Flickr Instagram
Sobre a mostra Créditos
Sobre Tiradentes Parceiros
Adulto Intervenções Outros Roda de conversa