RELEASES
 
 
02/05/2018 - Parceria cultural entre Sesc em Minas e a Mostra de Artes Cênicas Tiradentes em Cena promove rodas d
 
 

Parceria cultural entre Sesc em Minas e a Mostra de Artes Cênicas Tiradentes em Cena promove rodas de conversas durante o evento

Nesta sexta edição, a parceria cultural entre a Mostra de Artes Cênicas Tiradentes em Cena e o Sesc em Minas foi ampliada e as Rodas de Conversa retornam ao evento ainda mais alinhadas com a temática LIBERDADE, que será apresentada em 2018. As Rodas de Conversa, realizadas pelo Sesc, foram criadas para proporcionar às pessoas uma oportunidade de discussão sobre assuntos relacionados à cultura, por meio de encontros com a participação de especialistas nos temas propostos. Dessa forma, o público se atualiza a respeito do que acontece na área e identifica possibilidades de ampliar os horizontes da produção artística. A ação é itinerante e realizada em todo o território mineiro.

No sábado, dia 5 de maio, o Jardim do Sobrado Quatro Cantos receberá a roda “Corpo e Liberdade”, onde será discutida a prática cultural para construção de um corpo cênico. Mediada por Marise Diniz, terá participação da coreógrafa e dançarina Morena Nascimento, a dançarina Clarisse Panadés, a atriz Carolina Correa, o artista circense Rafael Rocha e o ator Julio Adrião.

No domingo, dia 6, a grande homenageada do Tiradentes em Cena Zezé Motta participa da roda de conversa que abordará a representativadade da mulher negra nas artes cênicas. A atriz mineira Aruana Zamby também participa do encontro.

No encerramento da mostra, dia 12, o tema a ser discutido é “Teatro e Resistência”. Mediado por Diogo Horta, a Roda conta com participação do fundador da Cia. Do Tijolo Dinho Lima Flor; o ator Alexandre Lino; o artista e pesquisador Adilson Siqueira; e o dramaturgo, diretor e professor de teatro Ildeu Ferreira.

Confira abaixo a programação completa:

 

5 de Maio – sábado

15h - Corpo e Liberdade - Liberdade do movimento e liberdade de expressão

Local: Jardim do Sobrado Quatro Cantos

SINOPSE: Qual é a pratica cultural para a construção de um corpo cênico? Qual o corpo que movimenta? O do ator, o do bailarino, o do individuo que se entrega a dançar, o movimento do dia a dia? Liberdade do movimento, liberdade de expressão a descoberta da vida em liberdade passa pelo corpo.

Mediação: Marise Diniz (Coordenadora do Núcleo de Formação em Dança do Sesc)

Participantes da Mesa:

- Morena Nascimento: A coreógrafa e dançarina, Morena Nascimento, ligada à Tanztheater Wuppertal Pina Bausch desde 2007 e graduada em Artes Corporais inicialmente pela UNICAMP, já fez parte de grandes espetáculos de dança e trabalhou ao lado de grandes coreógrafos internacionais (Japão, Portugal, Alemanha e Irlanda).

- Clarisse Panadés: bailarina circense faz parte do Coletivo Na Esquina, trabalha no Circo Strada, formou na Escola de Belas Artes - UFMG e estudou na Spasso Escola de Circo

- Rafael Rocha - artista circense, faz parte do Coletivo Na Esquina

- Carolina Correa  Carolina Corrêa é mineira, atriz e performer. Fundadora do Grupo Dos Dois e da Soller Centro de Artes. Coordenadora Internacional do Corredor Latinoamericano de Teatro / Minas Gerais. Pós-graduada em Performance e Artes.

 - Julio Adrião - ator, produtor e diretor teatral. Formado pela CAL em 1987, trabalhou seis anos na Itália, com foco no treinamento físico do ator, nas Cias Teatro Potlach de Fara Sabina, Abraxa Teatro e Qabaloquá, ambas de Roma. Ganhou o Prêmio Shell/RJ de melhor ator em 2005, com o solo narrativo “A descoberta das Américas”, de Dario Fo. 

 

6 de maio – Domingo

11h - Roda de Conversa: A representação da mulher negra nas artes cênicas: diálogos e liberdade.

Local: SESI Tiradentes – Centro Cultural SESIMINAS Tiradentes 

SINOPSE: o racismo estrutural do Brasil, os resquícios da escravidão que ainda se fazem presentes, os padrões de beleza feminina, condição da mulher negra na sociedade e nas artes cênicas, pontuar a importância da representatividade. Não deixar de apontar que a arte reflita também os processos sociais em que é produzida, pois uma arte livre não ignora as correntes que lhe prendem.

Mediação: a definir

Participantes da Mesa:

Zezé Motta – atriz e cantora brasileira. É considerada uma das atrizes mais importantes da Teledramaturgia Brasileira.

Aruana Zamby  - atriz mineira do Grupo O Negro Conta, com seus 62 anos de idade, participou ativamente do teatro e da televisão durante seus quase quarenta anos de carreira.

 

12 de maio – sábado

10h - Roda de Conversa: Teatro e resistência

Local: SESI Tiradentes – Centro Cultural SESIMINAS Tiradentes 

O teatro é uma arte coletiva, e sendo uma arte coletiva, facilmente conseguem agregar aspectos do mundo real. No meio de nossa sociedade, existe um Brasil notado por poucos. Um grupo formado por pessoas que apesar de conviver conosco, até frequentar nossa casa e fazer parte de seu dia a dia, é como se não estivesse lá.  O teatro convoca o olhar para as miudezas, para o que não se quer ver ou fingi não ver.

Mediação: Diogo Horta Analista Cultural do Sesc Palladium

Participantes da Mesa:

Dinho Lima Flor – Fundador da Cia do Tijolo. Foi integrante do Grupo Teatro Vento Forte por 10 anos e da Casa Laboratório por 03 anos. 

Alexandre Lino – foi numa igreja em Gravatá, no Agreste pernambucano, que o ator Alexandre Lino teve seu primeiro contato com o teatro. Fez o mesmo caminho que tantos nordestinos trilharam, rumo ao Rio de Janeiro. Na capital fluminense, Alexandre se formou como ator e também virou produtor de teatro e cinema.

Adilson Siqueira-artista-pesquisador, professor adjunto do curso de Teatro da Universidade Federal de São João del-Rei(UFSJ), responsável pelas disciplinas de Interpretação, Expressão Corporal e Dança.

Ildeu Ferreia – é diretor, dramaturgo e professor de teatro.  Iniciou sua carreira em 85 em BH onde trabalhou como ator na Cia Sonho & Drama. Ildeu Ferreira tem graduação e licenciatura em teatro pela Universidade Paris VIII. Foi professor de teatro interpretação na Escola de teatro da PUC-Minas e Palácio das Artes. Fundador e diretor da Insólita Cia.

 

Tiradentes em Cena

De 4 a 12 de maio

www.tiradentesemcena.com.br

Veja programação completa em anexo

 

Assessoria de Imprensa -  Rio de Janeiro

Fábio Amaral - Minas de Ideias Comunicação Integrada

(21) 3023-1473 / 98249-6705 / ascom@minasdeideias.com.br

 

Assessoria de Imprensa – São Paulo
Carlos Gilberto – Minas de Ideias Comunicação Integrada

11 3774 1918 / 11 97064 9555 / carlos@minasdeideias.com.br
 

Assessoria de imprensa – Minas Gerais
Viviane Furst – Primeiro Plano Comunicação

31 99197 1645 / 31 98258 2036 / 31 3234 0714/ viviane@primeiroplanocomunicacao.com.br

 

 
 
Clique para voltar
 
    MAIO | 2018    
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
29 30 1 2 3 4
04/05 - Pacha Harvey Mama Zulu: Um solo de Morena Nascimento
04/05 - "Senhora da Liberdade"
04/05 - Esculturas Eliz Machado Dias
04/05 - Marionetes a fio
04/05 - Credenciamento da Imprensa
5
05/05 - Jagunça
05/05 - Na Esquina
05/05 - A Descoberta das Américas
05/05 - Noite de Reis de Zélia Mendonça
05/05 - Lançamento do livro "17 Degraus"
05/05 - Máquina de Histórias
05/05 - Camille Claudel
05/05 - Pintura ao vivo
05/05 - Tramas e Dramas
05/05 - O Batizado
05/05 - Todas as formas de amar
05/05 - Crítica na prática com Carolina Braga
05/05 - Dança de Matriz Africana na Preparação Corporal de Atores e Estudantes de teatro com Evandro Passos
05/05 - A VIDA É ANDAR – horários alternativos
05/05 - Corpo e Liberdade - Liberdade do movimento e liberdade de expressão
05/05 - Beth Cavalcanti na Rua da Cadeia
05/05 - Lilian Morais – Todas as formas de amar
05/05 - Alto do São Francisco Zélia Mendonça
05/05 - Beco do Zé Moura com Deborah Engelender
6
06/05 - Negro Conta
06/05 - Zezé Motta em Divina de Saudade
06/05 - Chapeuzinho Vermelho
06/05 - Na Esquina
06/05 - Trombo – um Solo de Carolina Correa
06/05 - A representação da mulher negra nas artes cênicas: diálogos e liberdade.
7
07/05 - Sapato Bicolor
07/05 - Urbana
8
08/05 - Lutar ou Calar? Eis a revolução
08/05 - Incômodos
08/05 - Ausências TrupeZarpando
9
09/05 - O Julgamento de Sócrates
09/05 - Motriz
09/05 - Dança Circular com a focalizadora Arlete Silva
10
10/05 - Freddie Rock Star – The Show Must Go On!
10/05 - Antlia - O Astronauta Português
11
11/05 - Ledores do Breu
11/05 - Intimidade Indecente
11/05 - Antlia – O Astronauta Português
11/05 - Festival de Cenas Curtas
12
12/05 - Manotas Musicais
12/05 - O Porteiro
12/05 - Dança Circular
12/05 - Performance Dona Véia
12/05 - Máquina de Histórias
12/05 - Naquele Bairro Encantado - Episódio II: Ensaio para uma serenata
12/05 - Festival Cenas Curtas
12/05 - Teatro e resistência
12/05 - Rio de Palavras e Memórias, de Luiz Cruz (Tiradentes-MG)
12/05 - Gaia: Vivência Performativa Ecopoética
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31 1 2
 
11/05 Sex

18h às 22h
 
PROGRAMAÇÃO
 
Download!
 
Download PDF
 
 
MÍDIAS SOCIAIS
 
Siga-nos no instagram
Siga-nos no flickr
Siga-nos no youtube
Siga-nos no Facebook
Siga-nos no Twitter
Faça parte da nossa mailing-list
 
 
 
VI Mostra de Teatro de Tiradentes © 2013-2018 todos os direitos reservados
Notícias Fotos Releases Clipping Credenciamento
Galeria de fotos Flickr Instagram
Sobre a mostra Créditos 1ª Edição 2ª Edição 3ª Edição 4ª Edição 5ª Edição
Sobre Tiradentes Parceiros
Adulto Exposição Infantil Intervenções Oficinas Outros Roda de conversa